segunda-feira, 10 de agosto de 2015

Índice de velocidade de conexão Netflix de julho


Chegaram os destaques do mês de julho do Índice de velocidade de conexão Netflix, nosso relatório mensal dos provedores de serviços de Internet que oferecem a melhor experiência de transmissão da Netflix no horário nobre.

Nos EUA, a velocidade média da Charter aumentou de 3,37 Megabits por segundo (Mbps) para 3,46 Mbps, levando a empresa da 6ª para a 4ª posição. Cox, Cablevision e Verizon FiOS mantiveram as três primeiras posições respectivamente.

No México, a Cablevision Monterrey subiu três colocações e assumiu a 5ª posição, com velocidade média de 2,90 Mbps, em comparação aos 2,53 Mbps do mês anterior.

No Panamá, a Cable Onda ampliou ainda mais a liderança: sua velocidade média aumentou de 2,81 Mbps em junho para 3,17 Mbps em julho.

Na Austrália, a Dodo/Primus assumiu a 4ª posição, com o aumento de 2,64 Mbps no mês anterior para 2,92 Mbps.

O Índice de velocidade de conexão Netflix é uma avaliação do desempenho da Netflix no horário nobre na rede de determinados provedores de Internet. Não se trata de uma medição do desempenho geral de outros serviços ou dados que possam trafegar pela rede do provedor em questão. Maiores velocidades na Netflix geralmente trazem mais qualidade de imagem, inicialização mais veloz e menos interrupções.

Abaixo seguem os rankings regionais mais recentes.


Anne Marie 
Anne Marie Squeo integra a equipe de comunicações da Netflix.

quarta-feira, 22 de julho de 2015

Evolução da TV na Netflix

Trabalhamos sempre para inovar e aprimorar a experiência Netflix, sempre visando permitir que cada assinante encontre suas histórias preferidas com maior facilidade. Hoje temos o prazer de anunciar a primeira grande atualização dos aplicativos para TVs desde o final de 2013.
unnamed.gif
Agora, ao selecionar um título, o aplicativo passará a reproduzir o título enquanto exibe as informações mais relevantes para ajudar você a confirmar sua escolha. A inovação dá maior destaque ao conteúdo em si e proporciona uma experiência mais imersiva e cinemática, digna dos recursos e expectativas das TVs atuais.
O vídeo é um meio rico para se contar histórias, e descobrimos que a reprodução de títulos durante a seleção de conteúdo facilita ainda mais a busca por algo interessante para assistir.
O lançamento da nova experiência começa hoje e estará disponível em todos os aparelhos compatíveis no decorrer dos próximos dias.
É um enorme prazer trazer esta inovação para nossos assinantes. Vamos continuar trabalhando com afinco para melhorar a experiência Netflix nas TVs.


Stephen, Joubert e a Equipe Netflix

segunda-feira, 13 de julho de 2015

Índice de velocidade de conexão Netflix de junho

Veja alguns destaques do mês de junho do Índice de velocidade de conexão Netflix, nosso relatório mensal dos provedores de serviços de Internet que oferecem a melhor experiência de transmissão da Netflix no horário nobre.

Nos EUA, houve várias mudanças no índice. A Cox assumiu na 1ª posição, com velocidade média de 3,58 Megabits por segundo (Mbps), e a Verizon FiOs caiu para a 3ª posição, com velocidade média de 3,43 Mbps. A Cablevision ficou na 2ª posição, com velocidade média de 3,57 Mbps. Em relação a maio, a Bright House e a Time Warner Cable caíram três e duas posições respectivamente.

Na Nova Zelândia, a Spark manteve a ascensão e saiu da 6ª para a 4ª posição, com velocidade média de 3,46 Mbps, em comparação aos 3,17 Mbps do mês anterior. A Call Plus caiu de 3,30 Mbps em maio para 3,06 Mbps e perdeu duas posições no índice.

Na França, a Bouygues Telecom assumiu o topo com velocidade média de 3,86 Mbps.

O Índice de velocidade de conexão Netflix é uma avaliação do desempenho da Netflix no horário nobre na rede de determinados provedores de Internet. Não se trata de uma medição do desempenho geral de outros serviços ou dados que possam trafegar pela rede do provedor em questão. Maiores velocidades na Netflix geralmente trazem mais qualidade de imagem, inicialização mais veloz e menos interrupções.

Abaixo seguem os rankings regionais mais recentes.



Anne Marie
Anne Marie Squeo integra a equipe de comunicações da Netflix.

segunda-feira, 15 de junho de 2015

Site da Netflix passa por uma grande atualização


É com grande prazer que divulgamos o nosso novo site, a nossa maior atualização nos últimos quatro anos. Criamos uma experiência construída do zero que torna mais fácil e rápida a descoberta de novos filmes e séries pelos nossos milhões de assinantes do mundo inteiro.


Os navegadores da web evoluíram nos últimos quatro anos e são hoje softwares sofisticados, permitindo gráficos e animações mais elaborados. Além disso, a forma como nossos assinantes usam a Netflix também mudou, acompanhando a popularidade de aplicativos de celular e tablet.

O novo site da Netflix proporciona uma experiência mais visual, que remete mais a um aplicativo do que a uma série de páginas interligadas. As informações, que antes eram exibidas em páginas separadas, agora possuem um tratamento mais dinâmico e contextual. Com isso, as pesquisas no catálogo ficaram ainda mais fáceis.

Ao passar o cursor sobre um título, você um leque de imagens relacionadas. As imagens complementam as sinopses e demais dados, proporcionando um apanhado geral do conteúdo que você está prestes a assistir.


Clicar no título ou na sinopse exibe os detalhes de forma contextual, com navegação intuitiva pelos episódios, detalhes e opiniões de outros assinantes. Você também pode explorar a opção Títulos Parecidos, que abre uma fileira de títulos relacionados por características como o elenco, gênero ou estilo.


A navegação pelas fileiras ficou bem mais rápida: agora, um clique ou toque avança uma fileira inteira.

Criamos o novo site pensando em interações com o mouse, trackpad e tela touch. Usuários de aparelhos com telas touch podem tocar para assistir, exibir os detalhes do título e navegar pelas fileiras de filmes e séries.

O site será lançado no mundo todo no dia 15 de junho e pode levar até duas semanas para ser disponibilizado para todos os assinantes. Um pequeno número de assinantes com versões mais antigas de navegadores populares precisará atualizar o navegador antes de acessar o novo site.

Esperamos que você aproveite bastante esta novidade! O site foi um projeto muito interessante para nós, e é um prazer enorme compartilhar o resultado final.

Cameron e a Equipe Netflix

segunda-feira, 8 de junho de 2015

Índice de velocidade de conexão Netflix de maio

Veja alguns destaques do mês de maio do Índice de velocidade de conexão Netflix, nosso relatório mensal dos provedores de serviços de Internet que oferecem a melhor experiência de transmissão da Netflix no horário nobre.

Na Nova Zelândia, a Bigpipe caiu três colocações e assumiu a 7ª posição, com velocidade média de 3,11 Mbps, em contraste com 3,45 Mbps do mês passado, primeira vez em que o país participou do ranking. A Trustpower e a Spark subiram duas colocações, figurando na 4ª e na 6ª posições, com velocidades de 3,37 Mbps e 3,17 Mbps respectivamente. No ranking geral de países, a Nova Zelândia subiu três colocações e obteve a 10ª posição, com velocidade média de 3,48 Mbps.

Na Alemanha, a Kabel Deutschland reassumiu a 2ª posição, com velocidade média de 4,00 Mbps, em comparação aos 3,81 Mbps do mês anterior.

No México, a Cablevision Monterrey teve queda de desempenho pelo segundo mês seguido e apresentou velocidade média de 2,37 Mbps, em comparação aos 2,84 Mbps em março, o que resultou na perda de três colocações no ranking.

O Índice de velocidade de conexão Netflix é uma avaliação do desempenho da Netflix no horário nobre na rede de determinados provedores de Internet. Não se trata de uma medição do desempenho geral de outros serviços ou dados que possam trafegar pela rede do provedor em questão. Maiores velocidades na Netflix geralmente trazem melhor qualidade de imagem, inicialização mais veloz e menos interrupções.

Veja os rankings regionais mais recentes abaixo.



Anne Marie
Anne Marie Squeo integra a equipe de comunicações da Netflix.

segunda-feira, 11 de maio de 2015

Índice de velocidade de conexão Netflix de abril

Veja os dados de abril do Índice de velocidade de conexão Netflix, nosso relatório mensal dos provedores de serviços de Internet que oferecem a melhor experiência de transmissão da Netflix no horário nobre.

Em abril, Austrália e Nova Zelândia passaram a fazer parte do índice e ficaram respectivamente na 17ª e na 13ª posições da lista dos 29 países avaliados. Na Austrália, o desempenho foi afetado pela demanda acima das previsões da Netflix. Estamos trabalhando em parceria com os provedores locais e esperamos que as velocidades melhorem nos próximos meses. A TPG assumiu a liderança na Austrália, com velocidade média de 3,36 Megabits por segundo (Mbps). Na Nova Zelândia, a Snap ficou no topo, com velocidade média de 3,77 Mbps.

Nos EUA, a Cox manteve sua ascensão e assumiu a 2ª posição do ranking, com velocidade média de 3,49 Mbps. A velocidade média da Cox era 3,11 Mbps em novembro de 2014 e tem melhorado constantemente desde então.

O Índice de velocidade de conexão Netflix é uma avaliação do desempenho da Netflix no horário nobre na rede de determinados provedores de Internet. Não se trata de uma medição do desempenho geral de outros serviços ou dados que possam trafegar pela rede do provedor em questão. Maiores velocidades na Netflix geralmente trazem melhor qualidade de imagem, inicialização mais veloz e menos interrupções.

Veja os rankings mais recentes abaixo.



Anne Marie integra a equipe de comunicações da Netflix.

segunda-feira, 13 de abril de 2015

Índice de velocidade de conexão Netflix de março

Veja os dados de março do Índice de velocidade de conexão Netflix, nosso relatório mensal dos provedores de serviços de Internet que oferecem a melhor experiência de transmissão da Netflix no horário nobre.

Nos EUA, a Verizon permaneceu na 1ª posição, com velocidade média de 3,50 Megabits por segundo (Mbps) em março.

No Canadá, a TekSavvy manteve sua ascensão, superando duas concorrentes e alcançando a 10ª posição, com velocidade média de 3,08 Mbps. Em fevereiro, o provedor havia subido uma colocação e apresentado média de 2,91 Mbps.

No Chile, a GTD ultrapassou a VTR pela segunda vez no ano e assumiu a 1ª posição, com velocidade média de 3,27 Mbps, em comparação aos 3,19 Mbps da concorrente.

Na Suécia, a Ownit apresentou velocidade média de 3,95 Mbps e assumiu a 1ª posição pela primeira vez desde junho de 2014. A ComHem, que era a 1ª colocada desde então, caiu para a 2ª posição e apresentou velocidade média de 3,93 Mbps, em comparação aos 3,98 Mbps de fevereiro.

Em Luxemburgo, a Visual Online subiu duas colocações e assumiu a liderança do país pela primeira vez, com velocidade média de 4,16 Mbps. A Numericable e a Lux Online caíram uma colocação cada e ficaram na 2ª e na 3ª posições respectivamente, com velocidades médias de 4,08 Mbps.

No mês que vem, adicionaremos ao índice Austrália e Nova Zelândia, onde lançamos o serviço no mês passado.

O Índice de velocidade de conexão Netflix é uma avaliação do desempenho da Netflix no horário nobre na rede de determinados provedores de Internet. Não se trata de uma medição do desempenho geral de outros serviços ou dados que possam trafegar pela rede do provedor em questão. Maiores velocidades na Netflix geralmente trazem mais qualidade de imagem, inicialização mais veloz e menos interrupções.

Abaixo seguem os rankings regionais mais recentes.



Anne Marie
Squeo integra a equipe de comunicações da Netflix.